Setembro 30, 2022

Agricultura Internacional

Imprensa especializada do setor agrário

Migdalo foi pensada como um projeto aberto, virado para os produtores locais

2 min read

A Migdalo é uma empresa portuguesa que produz, transforma e comercializa amêndoa de origem alentejana.

Esta amêndoa é produzida de forma sustentável em amendoais próprios e de parceiros locais, através de um modelo de integração vertical de todo o processo produtivo, garantindo a qualidade e frescura das amêndoas e total rastreabilidade desde a árvore até ao consumidor.

Desde o início, e como nos avança o diretor geral da Migdalo, Miguel Matos Chaves, esta foi pensada como um projeto aberto, virado para os produtores locais e que contribuísse para o desenvolvimento do setor no Alentejo. Tal é possível ao posicionar-se como um parceiro credível e conhecedor do mercado, que possibilita o escoamento da produção da amêndoa própria bem como dos produtores da região. Atualmente a amêndoa própria contribui com cerca de 25% das necessidades da Migdalo, sendo que muitos pomares ainda não estão em plena produção. Para 2021 prevê-se atingir uma produção entre 2 500 a 3 000 toneladas de amêndoa.

Ao logo dos últimos anos continuou a investir na melhoria e no aumento da capacidade existente

Importa registar que desde a sua fundação, o projeto da Migdalo foi desenhado tendo em consideração que iria existir um aumento progressivo de disponibilidade de amêndoa na região. Assim, ao logo dos últimos anos continuou a investir na melhoria e no aumento da capacidade existente, garantindo a capacidade de resposta necessária para o crescimento esperado na região. “Por outro lado continuamos a investir bastante na promoção e comercialização deste tipo de amêndoa, tanto no mercado interno como externo, de modo a fazer face ao aumento de oferta de amêndoa da região e continuar a garantir a sua comercialização, sendo a Migdalo já considerada como uma referência de qualidade e de fiabilidade por muitos dos nossos clientes internacionais”, sustenta Miguel Matos Chaves.

Encara como vantagem a proximidade entre produção e a agroindústria, sobretudo porque desta forma consegue posicionar-se como um parceiro que acompanha os seus fornecedores ao longo do ano e não apenas como uma solução pontual de escoamento da produção. “Permite construir relações com os produtores, baseada na proximidade e na transparência, com constantes trocas de informação e conhecimento, de modo a que todos beneficiem com esta ligação, permitindo tomar decisões mais fundamentadas e que se criem relações transparentes e duradouras”.

Principal consumidor de amêndoa a nível mundial é o mercado europeu

Uma vez na fábrica e depois de passar pelos vários processos, a amêndoa é comercializada na forma de miolo inteiro natural, em lotes monovarietais, calibrada e selecionada segundo os standards internacionais e de acordo com os requisitos dos seus clientes. Também comercializa amêndoa premium selecionada, sob a marca Migdalo, para o mercado nacional (…).

Artigo retirado da Revista Voz do Campo.

Translate »