Abril 13, 2024

Agricultura Internacional

Imprensa especializada do Setor Agrário

17º Simpósio de Fitossanidade em Sevilha (13 a 15 março)

Aspetos como novos quadros regulamentares e técnicas genómicas, soluções inovadoras contra pragas e doenças em oliveiras, amendoeiras, medronheiros ou abacateiros, e a utilização de Inteligência Artificial na fitossanidade, além do caderno digital de exploração agrícola estarão em foco no 17.º Simpósio sobre Fitossanidade, na sua edição comemorativa dos 40 anos.

O Centro de Convenções do Hotel Meliá Sevilla acolherá novamente o XVII Simpósio Fitossanitário nos dias 13, 14 e 15 de março de 2024, numa edição que celebrará o seu 40º aniversário (1984-2024).

Organizado pelo Colégio Oficial de Engenheiros Técnicos e Licenciados em Engenharia Agrícola da Andaluzia Ocidental (COITAND), este Simpósio reafirma-se como um ponto de encontro e fórum de debate imprescindível para o setor fitossanitário, estando sempre na vanguarda, e que desde a década de 90, abordou aspetos que são fundamentais hoje, como a sustentabilidade.

E nessa mesma linha de inovação e principalmente com o objetivo de capacitar os participantes, o 17º Simpósio de Fitossanidade finaliza a programação de keynotes e apresentações comerciais. “O avanço da saúde vegetal é fundamental para alcançar um setor agroalimentar forte e competitivo. E para isso é fundamental a capacitação e troca de conhecimentos gerados neste Simpósio”, explica Carlos León Garrido, presidente da COITAND.

Palestras e apresentações

Representantes das administrações europeias, nacionais e regionais, empresas, investigadores e conselheiros reunir-se-ão no mesmo espaço para debater o presente e o futuro dos cuidados da sanidade vegetal e apresentar soluções reais para os desafios do setor agroalimentar.

Neste sentido, o primeiro dia centrar-se-á nas políticas europeias que moldam hoje a fitossanidade atual e futura. Assim, serão abordados os novos marcos regulatórios e técnicas genómicas vegetais, além dos produtos fitossanitários em risco, e a necessária harmonização na Europa.

As apresentações de quinta-feira, dia 14, incidirão sobre as principais ameaças fitossanitárias e soluções atuais em culturas como a azeitona, o morango, a amêndoa e o abacate, com especial destaque para a digitalização e a inteligência artificial como instrumentos para avançar nestes domínios.

Na sexta-feira, 15 de março, será a vez de aprofundar o Caderno Digital de Exploração Agrícola (CUE), onde serão abordados os problemas para a sua implementação. Será também o momento de avançar na transferência de tecnologia necessária e na assinatura da prescrição por um assessor no caderno de campo para uso de produtos fitossanitários, elementos-chave para garantir a segurança alimentar.

Este programa de apresentações é completado com apresentações comerciais das empresas patrocinadoras: Ascenza, BASF, Bayer, Biogard, Corteva, FMC, Sumitomo Chemcal (com sua subsidiária Kenogard), Trichodex e UPL.

Localizados nas áreas externas às salas de apresentação, haverá expositores, onde as principais empresas ligadas à fitossanidade terão a oportunidade de mostrar aos participantes as suas soluções mais inovadoras: Agrofresas, Agrícola 2000, Bayer, BioChem Agrología, CAAE, Eurofins, FMC, GMW Bioscience, Hefona, Grupo Herogra, Lida Plant Research, Manica, Phytoma, SGS, Staphyt, Sustainable Agro Solutions (SAS), Conselho Geral de Colégios Oficiais de Engenheiros Técnicos Agrícolas da Espanha, SynTech Research Group, Trichodex e UPL.

Comité técnico

O XVII Simpósio de Fitossanidade conta com uma Comissão Organizadora formada por Ricardo Alarcón Roldán, Engenheiro Agrônomo (Departamento de Agricultura, Pescas, Água e Desenvolvimento Rural da Junta de Andalucía- CAPADR), Manuel Avilés Guerrero, Engenheiro Técnico Agrário, Juan De Benito Dorrego, Engenheiro Técnico Agrônomo (COITAND), Luis Cárdenas Benítez, Engenheiro Técnico Agrônomo, Mercedes Domínguez Backaldo, Engenheiro Agrônomo (COITAND), Fernando García Prieto, Engenheiro Agrônomo (COITAND-CAPADR), Alejandro Rodríguez Barea, Engenheiro Técnico Agrônomo (COITAND), Jesús Rossi Escalona, ​​​​Engenheiro Técnico Agrícola (COITAND) e Rafael Sánchez Trujillo, Engenheiro Agrônomo (CAPADR). Além disso, a Secretaria Técnica é composta por Mariola Cía López de Lemus, Sandra Jordán Piñar e Ana Mª Luque Fernández, todas da COITAND.

Inscrições abertas

Com o objetivo de igualar os mais de 1.000 participantes da edição de 2022, estão abertas as inscrições para o 17º Simpósio de Fitossanidade. Os interessados ​​podem reservar sua vaga preenchendo o formulário que se encontra no respetivo link:
https://www.fitosymposium.com/INSCRIPCION

Relembramos que, até 23 de fevereiro, existe um valor de inscrição reduzido, e uma tarifa especial para grupos superiores a quatro pessoas e para sócios.

Translate »