Abril 20, 2024

Agricultura Internacional

Imprensa especializada do Setor Agrário

FIMA 2024 inaugura edição que comemora 60 anos com apoio de agricultores e pecuaristas

Até ao próximo dia 17 de fevereiro, a Feira de Saragoça torna-se uma plataforma de destaque para as empresas mostrarem a sua competência tecnológica e capacidade inovadora no âmbito agrícola.

A FIMA – Feira Internacional de Máquinas Agrícolas inaugurou hoje os seus mais de 100 mil metros quadrados de espaço expositivo, com cerca de 1.237 marcas de 35 países. Durante o primeiro dia, diferentes grupos de agricultores e pecuaristas expressaram as suas pretensões setoriais aos representantes institucionais da FIMA, fazendo do evento o seu fórum onde podem se expressar e dar visibilidade ao mundo agrícola.

A inauguração contou com a presença do Presidente do Governo de Aragão, Jorge Azcón, que destacou a importância do setor agrícola para Aragão. Por sua vez, Manuel Teruel, presidente da Feira de Saragoça, destacou que a FIMA é uma referência justa na Europa e que trabalha no futuro da agricultura, por sua vez, Begoña Garcia Bernal, Secretária de Estado da Agricultura e Alimentação de Espanha, destacou que “a FIMA não se limita a ser um centro de exposição de máquinas, mas um local onde também serão abordados culturas, entre outros temas como a política agrícola e a sustentabilidade de novos projetos”.

A Presidente da Câmara de Saragoça, Natalia Chueca, também esteve presente e insistiu na importância do evento para a cidade nos últimos 60 anos, cidade que vive a FIMA como um grande evento.

Pela frente, quatro dias intensos em que terão visibilidade os importantes avanços do setor agrícola. Um exemplo do grande potencial técnico que os profissionais podem encontrar nos pavilhões de exposição durante a celebração do concurso é o Concurso de Novidades Técnicas, com 17 distinções, em três categorias distintas que se somam ao projeto vencedor do Prémio Excelência, cujos prémios serão entregues amanhã, às 19h00, no Palácio de Congressos de Saragoça.

Além da parte expositiva, a FIMA 2024 é um ponto de encontro onde são discutidos temas de interesse do setor, bem como suas tendências e desafios. Isto também inclui um foco nos jovens agricultores, reconhecendo a sua importância e explorando formas de apoiar a sua participação e desenvolvimento na indústria.

Um ambicioso programa de conferências técnicas iniciou hoje com várias interessantes apresentações. Entre eles, o Cluster Aragonês de Meios de Produção Agropecuária – CAMAPG que organizou diversas mesas redondas no âmbito da conferência “Água, fonte de inovação”. Por outro lado, a Pulverizadores Fede apresentou o seu atomizador autónomo, KFAST. Schäfer Ibérica teve a sua reunião anual de concessionários, a FederUnacoma organizou uma conferência de imprensa para a EIMA International e a AGRAGEX organizou a sua assembleia geral.

De hoje até sábado, a Feira de Zaragoza torna-se o principal epicentro do setor agrícola, sendo o principal espaço de troca de ideias para todos os agricultores. A FIMA consolida-se como ponto de encontro e referência essencial para todo o setor.

A Revista Voz do Campo é Media Partner oficial do evento e levará até si muitas novidades, fique atento e subscreva as nossas edições.

Translate »