Abril 20, 2024

Agricultura Internacional

Imprensa especializada do Setor Agrário

Seipasa: quando a tecnologia e a inovação caminham de mãos dadas na produção de alimentos livres de resíduos químicos

A Seipasa, empresa espanhola especializada no desenvolvimento, formulação e comercialização de bio inseticidas, biofungicidas, bio estimulantes e fertilizantes, acaba de completar 25 anos. O número não é trivial, principalmente se tivermos em conta a concentração do mapa de produtores agrícolas nos últimos 10 anos.

O aniversário, no entanto, ganha ainda mais valor se tivermos em conta como e quando ocorreu o nascimento da Seipasa: num contexto totalmente diferente do atual, com uma indústria agrícola totalmente voltada para a produção, dominada por tratamentos de síntese química e em que conceitos como o de sustentabilidade ainda não tinham ganhado a importância que têm agora.

“Se houve algo que nos impulsionou para o futuro, foi a nossa visão de antecipar a mudança. Obrigou-nos a remar contra a corrente durante muitos anos, com incompreensão e rejeição por parte da distribuição, e com um mercado que nem sempre compreendeu as nossas soluções. Mas a realidade é que esta visão ousada e antecipatória é o que nos tem permitido estar um passo à frente dos restantes no desenvolvimento de um portfólio de base biológica. Chegámos primeiro e agora temos vantagem”, afirma Pedro Peleato, CEO da Seipasa.

Pedro Peleato dirige uma organização sólida com presença internacional em mais de 25 países e reforça a sua presença no mercado português com novos produtos e registos fitossanitários. “Há apenas um ano lançámos o Fungisei em Portugal. É um novo fungicida microbiológico para o controlo de botrítis, oídio, míldio e outras doenças numa ampla variedade de culturas. “É um produto desenvolvido a partir da tecnologia patenteada Furity, com uma fórmula exclusiva, e com ampla experiência internacional em países como Espanha, França, Itália, Chipre, Turquia, México, Estados Unidos, Peru, Marrocos e Costa do Marfim”, aponta Ricardo Pinto, responsável pela área de negócios da Seipasa em Portugal.

Ricardo Pinto afirma que o Fungisei é um produto diferencial no segmento de biofungicidas. “O Fungisei é baseado em tecnologias de formulação da indústria farmacêutica que conferem segurança extra ao produto e que o diferenciam totalmente dos fungicidas biológicos presentes no mercado”.

Ricardo Pinto, responsável pela área de negócios da Seipasa em Portugal

“O agricultor, acrescenta Ricardo Pinto, irá apreciá-lo desde o momento da preparação e aplicação do produto no tanque graças à sua excelente molhabilidade e integração. É uma solução que não permite a separação de fases e permanecerá em perfeito estado, mesmo que a deixemos dias no tanque sem aplicar. Não necessita de frio para ser conservado, é estável numa ampla faixa de temperaturas e não deixa manchas ou resíduos na cultura após a sua aplicação”.

Registos fitossanitários

Fungisei é um dos mais de 70 registos fitossanitários que a Seipasa possui globalmente. A empresa cimenta o seu projeto de expansão internacional com base, precisamente, nos novos registos fitossanitários que obtém após a conclusão de processos de obtenção muito exigentes, tanto pelo investimento necessário como pelo tempo necessário (um processo de registo pode demorar entre 5 e 10 anos). “O nosso crescimento global baseia-se nos registos porque quando chegamos a um novo mercado, fazemos com a garantia de qualidade que o registo nos proporciona”, afirma José Ramón Fernández, Diretor do Departamento de Registos da empresa.

Mas o que encontramos por detrás de todo o catálogo global de registos?

A Seipasa acaba de completar 25 anos apoiada no sólido modelo de tecnologia natural implementado desde a sua criação. “Por detrás do registo fitossanitário existe um processo de longo prazo que, na sua primeira etapa, repousa no processo de formulação dos nossos produtos”, afirma Francisco Espinosa, Diretor de I&D da empresa.

“Para a Seipasa, Tecnologia Natural significa oferecer soluções eficazes para a agricultura baseadas na inovação e na investigação aplicada a princípios de origem botânica e microbiológica. Identificamos e selecionamos as substâncias mais eficientes e aplicamos a tecnologia mais avançada para obter o melhor desse princípio ativo”, afirma Francisco Espinosa.

Essa Tecnologia Natural de que fala Francisco Espinosa é o que permite aumentar a eficácia das formulações e alcançar o máximo desempenho no terreno. O outro pilar do seu modelo no mercado reside na sustentabilidade aplicada ao desenho de soluções racionais e amigas do ambiente.

Sustentável por dentro e por fora

“O conceito de sustentabilidade da Seipasa não está presente apenas no desenvolvimento dos produtos, na forma como são integrados de forma amiga do ambiente ou nos certificados que garantem a sua utilização na agricultura biológica de acordo com diferentes regulamentações internacionais. A nossa ideia de sustentabilidade também se aplica a todas as fases do nosso processo produtivo, desde a autossuficiência energética, à reutilização e reciclagem de recursos ou à redução da pegada de carbono na relação com os nossos fornecedores”, afirma María del Puig Mora, Diretora de Qualidade e Meio Ambiente.

Pedro Peleato, CEO da Seipasa, recebe o Prémio Nacional de Inovação das mãos do Rei Felipe VI e da Rainha Letizia de Espanha

Prémio Nacional de Inovação

Com todos estes elementos, a Seipasa é uma empresa reconhecida e premiada no mercado pela sua inovação no setor agrícola. Em 2020, o Ministério da Ciência e Inovação do Governo de Espanha atribuiu à Seipasa o Prémio Nacional de Inovação pelo valor dos desenvolvimentos e soluções proporcionados à agricultura num sector tão tradicional e fortemente regulamentado como a agricultura.

“2020 foi o ano da pandemia. Nesse ano de luta titânica contra a Covid19, as empresas farmacêuticas ou de telecomunicações desempenharam um papel muito relevante a nível social, mas o prémio de empresa mais inovadora de Espanha foi para a Seipasa, uma empresa do setor primário. Como membro de uma família de profissionais agrícolas, senti um enorme orgulho em recebê-lo, mas senti ainda mais orgulho pelos milhões de agricultores que pisam a lama todos os dias, apesar de todos os problemas e obstáculos que enfrentam. Este prémio também é seu”, lembra Pedro Peleato.

Nova linha de bio herbicidas no mercado

Olhando para o futuro de forma mais imediata, a Seipasa está a trabalhar no registo de um novo bio herbicida que irá acrescentar uma nova linha de elevado valor ao seu catálogo de bio proteção. É uma alternativa aos herbicidas sintéticos existentes no mercado, e candidatos a desaparecer, que apresenta um novo modo de ação até agora desconhecido e não aplicado por nenhuma das referências do mercado. Para tornar este projeto uma realidade, a empresa acaba de inaugurar a sua nova base industrial que, juntamente com um novo edifício de escritórios, soma 4.000 novos m2 para dar o salto para um futuro mais imediato.

Além de um moderno centro de trabalho, a nova sede da Seipasa funciona como um centro de troca de ideias para a inovação da empresa com todos os players do mercado. Um espaço de interação para transmitir e, ao mesmo tempo, enriquecer de experiências e conhecimento, o seu modelo de Tecnologia Natural.

→ Leia o artigo na Revista Voz do Campo: edição de março 2024

Translate »