Dezembro 8, 2022

Agricultura Internacional

Imprensa especializada do Setor Agrário

III Congresso Luso-Espanhol de Pecuária Extensiva

O III Congresso Luso-Espanhol de Pecuária Extensiva vai refletir sobre a sustentabilidade, os desafios do setor e a nova PAC

Vai realizar-se nos dias 1 e 2 de dezembro em Cáceres e será ponto de encontro de profissionais portugueses e espanhóis para debater sobre o presente e o futuro da pecuária extensiva.

O III Congresso Luso-Espanhol de Pecuária Extensiva, que decorrerá em Cáceres nos dias 1 e 2 de dezembro de 2022 com o lema ‘Sustentabilidade Garantida’, irá refletir sobre os desafios do setor em matéria de produção e sanidade, o contributo social e económico da pecuária, a sustentabilidade e os desafios da nova Política Agrícola Comum (PAC).

Este Congresso internacional é organizado pelas Cooperativas Agro-alimentares de Espanha, com a participação das uniões territoriais da Andaluzia, Castilha e Leon e Extremadura, pela Federação Andaluza de Agrupamentos de Defesa Sanitária Animal, a ACOS – Associação de Agricultores do Sul e a União dos Agrupamentos de Defesa Sanitária do Alentejo, contando com o AgroBank como patrocinador principal e com o apoio de diversas outras entidades patrocinadoras e colaboradoras.

A comunicação de abertura terá lugar às 9h30 do dia 1 de dezembro, a cargo do Chefe Adjunto da Unidade de Previsões da PAC DG AGRI da Comissão Europeia, Ricard Ramón, que analisará as estratégias europeias para a pecuária extensiva, dando lugar à primeira Mesa Redonda, que abordará a produção pecuária em extensivo em Espanha e em Portugal, e a contribuição das novas tecnologias aplicadas.

A sanidade animal e vegetal será o tema central de outra das Mesas que compõem este congresso em que, entre outros temas, serão abordados os avanços da investigação no que diz respeito à vacina contra a Peste Suína Africana e o montado/dehesa como recurso.

Posteriormente terá lugar a inauguração oficial do III Congresso Luso-Espanhol de Pecuária Extensiva, às 13.00 horas, a cargo do presidente da Junta da Extremadura, Guillermo Fernández Vara, a Ministra da Agricultura e Alimentação de Portugal, Maria do Céu Antunes e o Ministro da Agricultura, Pescas e Alimentação de Espanha, Luis Planas Puchades.

O congresso prossegue, da parte da tarde, com análise do ecossistema do montado/dehesa como gerador de valor, assim como a promoção e comercialização de produtos deste sistema agrosilvopastoril. Entretanto, e a acontecer durante todo o congresso, serão apresentadas comunicações de investigação científica relacionadas com os assuntos abordados no decorrer do congresso.

A jornada do dia 2 de dezembro do III Congresso Luso-Espanhol de Pecuária Extensiva iniciará com o tema sobre a sustentabilidade e a futura Política Agrícola Comum (PAC). Mais tarde, a  partir das 12h30, terá lugar a apresentação de conclusões, entrega de prémios e encerramento do evento, que ficará a cargo da conselheira de Agricultura, Desenvolvimento Rural, População e Território da Junta da Extremadura, Begoña García Bernal.

Translate »