Abril 13, 2024

Agricultura Internacional

Imprensa especializada do Setor Agrário

GOFORESTS: Novo projeto visa melhorar as redes florestais e agroflorestais na Europa

Financiado ao abrigo do programa Horizon Europe, o projeto avança pela partilha de conhecimento e boas-práticas entre países.

Por toda a Europa, existem centenas de pequenos projetos promovidos por grupos de agricultores, investigadores, gestores florestais, associações ambientais e comunidades locais, que partilham o mesmo objetivo: promover a inovação e as boas-práticas nos setores florestal e agroflorestal. Algumas destas iniciativas enquadram-se em “GruposOperacionais” (GO) e são normalmente financiadas por fundos regionais e europeus no âmbito da plataforma EIP-AGRI (European Innovation Partnership for Agricultural productivity and Sustainability).

No entanto, o conhecimento e experiência adquirida tendem a permanecer nos locais, a não transpor as fronteiras nacionais e a ficar vedados das restantes comunidades europeias, perdendo-se valor.

O projeto GOFORESTS tem por missão dar resposta a este problema, ligando dezenas de GO em toda a Europa para promover a transferência de conhecimento e boas práticas entre especialistas de 9 estados-membros. Os parceiros do GOFORESTS – entre os quais a FCiências.ID, representada por Cristina Cruz, investigadora do Centro de Ecologia, Evolução e Alterações Ambientais (cE3c) da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa – irão reunir GOs de diferentes países e centrar-se em cinco tópicos principais:

  • Mobilização de madeira – aumento do valor da produção e oferta global de madeira de florestas privadas;
  • Adaptação das florestas às alterações climáticas – encontrar novas soluções para ajudar os silvicultores a adaptarem-se aos efeitos das alterações climáticas;
  • Gestão florestal sustentável e serviços do ecossistema – promovendo as práticas que equilibram a exploração madeireira com fins lucrativos com objetivos ambientais e sociais;
  • Produtos florestais não-madeireiros – desenvolver e divulgar novos modelos de negócio voltados para o fornecimento de outros produtos;
  • Agrofloresta – reforçar a necessidade de conceber e implementar políticas deapoio adaptadas ao sistema produtivo agroflorestal.

O projeto GOFORESTS irá agrupar, partilhar e disseminar conhecimento relacionado com a inovação neste domínio através do fornecimento de materiais de divulgação personalizados e acessíveis por meio de plataformas existentes, bem como de materiais de capacitação desenvolvidos de acordo com as necessidades regionais identificadas, garantindo-lhe capacidade de ser aplicada. Os resultados e atividades do projeto (incluindo oficinas nacionais e internacionais) terão como alvo profissionais florestais e agroflorestais, legisladores, conselheiros e decisores políticos, fornecendo informações valiosas sobre o desenho e detalhe de políticas regionais, oportunidades de financiamento e medidas específicas patentes na Política Agrícola Comum.

O projeto teve início em fevereiro em Florença, cidade cuja Universidade lidera o Consórcio, e irá decorrer até ao final de 2025. Além da FCiências.ID-cE3c, da Associação dos Produtores Florestais do Vale do Sado e da Solutopos Recursos e Desenvolvimento, representantes de Portugal, o GOFOREST.

Translate »